Quarta-feira, 26 de Setembro de 2007

Ilusão

 

foto de Augusto P.Gil

 

ILUSÃO

 

Passeei os meus olhos,
Pelo teu rosto.
Acariciei a tua face
Com o meu olhar
E languidamente
Aflorei-te os lábios
Num beijo casto, d'amor.

 

No teu cabelo escuro,
Perdi-me,
Como numa noite, sem luar.
E amar...
Foi a minha perdição...
E o coração...
Esse, não pára de chorar.

 

E nos braços do Morfeu
Quando em sonhos,
Me embriago
Com o teu corpo...
Sei que sou teu.

 

E as recordações?
Afloram-me, ao pensamento.
Como as folhas,
Que caiem e voam ao vento.

 

E de manhã...?
Quando acordo e não te vislumbro
Apenas sinto...
Tristeza e desilusão!

 

E o teu sorriso, de ilusão
Ilumina-me...
O coração,
Mas é apenas, de curta duração.

 

E a tua imagem...
Flutua, em volta de mim
Como os fantasmas
Que se libertam, de dentro...de mim.

 

09/07/2007

 

sinto-me: saudosista...
música: Um sonho a dois...? Roupa Nova
publicado por Augusto P.Gil às 14:19
link do post | comentar | favorito
22 comentários:
De mariola a 26 de Setembro de 2007 às 14:57
Que maravilha de poema!

Excelente poesia, Amigo Gil.
Parabéns.

Um Abraço



Vasconcelos
De Augusto P.Gil a 2 de Outubro de 2007 às 16:26
Uma vez mais obrigado pelas suas palavras, Amigo, fico contente por ter gostado.
Um abraço
Gil
De carmemzita a 26 de Setembro de 2007 às 19:19
É um lindo poema de amor e saudade...
Nostalgias, onde tanto gostas de te perder...
Parabéns e um beijinho amigo

CarmenZita

De Augusto P.Gil a 2 de Outubro de 2007 às 16:32
Tens razão, Amiga, é verdade ando sempre por lá e a maior parte das vezes...perdido.
Mas um dia eu sei que me vou encontrar...rsrsrsr.
Um Beijinho
Gil
De MT-Teresa a 26 de Setembro de 2007 às 21:38
Hoje estás meio blue...ou é impressão minha?

Lindo este poema.

Ilusões, ilusões...fazem parte do sonho e sem sonhar definha-se.

Bj
De Augusto P.Gil a 2 de Outubro de 2007 às 16:36
...Se calhar tens razão. Mas acho que é do tempo. faz-me sonhar. E quando um homem sonha...
Um beijinho
Gil
De MT-Teresa a 2 de Outubro de 2007 às 19:17
Quando um homem sonha...a Poesia avança...rss

(No teu caso também)

Bj

Nota: Cuidado com os teus direitos de autor...andam por aí plagiadores à solta e mais grande ainda verdadeiros copistas ( lê o caso do Vasconcelos do Mariola)

De MT-Teresa a 2 de Outubro de 2007 às 19:19
em vez de "grande" queria escrever como é óbvio:

"Mais grave ainda"

(sao as teclas...rss)
De TiBéu ( Isa) a 27 de Setembro de 2007 às 23:12
Gostei muito de passar por este blog e vou voltar. bj meu
De Augusto P.Gil a 2 de Outubro de 2007 às 16:38
Lindo! Uma nova amiga.
Volta sempre que queiras.
Um Beijinho
Gil
De carla granja a 28 de Setembro de 2007 às 11:22
um poema lindo cheio de nostalgia , ilusoes,mas recordar é bom é sinal k algum dia essas coisas boas k hoje escrevemos já aconteceram em nossas vidas e é isso k temos de pensar,esses sentimentos k hje recordamos existiram e por alguns momentos fomos felizes e a felicidade só faz bem ao coração:) um bom fim de semana e se kiseres passa para leres o meu novo poema k se calhar exagerei um bocado :=)
bjo
carla granja
De Augusto P.Gil a 2 de Outubro de 2007 às 16:42
Tens razão, recordar por vezes é viver os bons momentos por que passamos...
Gostei do teu poema. Arrojado de certo, mas muito sentido?! Certo?
Um Beijinho
Gil
De Maria a 2 de Outubro de 2007 às 00:21
Amigo Augusto Gil Gostei imenso do seu poema! fotoé linda! Um beijo.
De Augusto P.Gil a 2 de Outubro de 2007 às 16:46
Amiga, assim fico sem jeito, rsrsrrs
É bom ouvir estes comentários.Obrigado
Um Beijinho
Gil
De Augusto Gomes(de portugal) a 24 de Agosto de 2010 às 19:59
Amigo Gil,posso trata-lo assim? Seu poema é lendissimo,parabens e um abraço.
Augusto Gomes
Porto-Portugal
De Visitante a 2 de Outubro de 2007 às 11:17
Quantos fantasmas teimam em pairar à nossa volta?

Um abraço do "Vizinho da Esquina de Cima"
Visitante
De Augusto P.Gil a 2 de Outubro de 2007 às 16:50
Olá Vizinho...
Pois, tens razão...Uma vez mais.
Até breve
Um abraço
do Vizinho da esquina de baixo
De Cristal a 2 de Outubro de 2007 às 11:26
Ora aqui estou eu a fazer mais uma "invasão" e espero ser perdoada ....
O poema está lindo e com esta musica a acompanhar até nos faz sonhar....parabéns.
Um beijo de uma cristal
De Augusto P.Gil a 2 de Outubro de 2007 às 16:53
Amiga, fico contente por teres vindo ao meu cantinho e teres gostado do poema ... e por sonhares.
Obrigado.
Um Beijinho
Gil
De Visitante a 3 de Outubro de 2007 às 08:28
Eh pá!!!

Isso é sinal que a Cristal é sonâmbula... Dorme em pé e sonha no PC...

hehehehe
De Cristal a 3 de Outubro de 2007 às 09:10
este Visitante anda a habilitar-se, ai anda, anda
De So Much More a 10 de Dezembro de 2007 às 18:13
Apenas agora visitei o blog e adorei todos os poemas, este sem excepção.
Parabéns!

E como já foi referido, cuidado com os plagiadores...

Fica bem

Comentar post

.Mais sobre mim

.Dezembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Respeite os Direitos de Autor

Todos os direitos reservados ao autor sendo proibida a sua publicação sem autorização prévia

.Links

.tags

. todas as tags

.Posts recentes

. Desejo

. ...

. Virar de Pagina

. Dezembro

. Estou de Regresso

. Encontro-me numa profund...

. Calor Intenso

. Ano Novo . o Virar de Mai...

.Favoritos

. ALGURES, JUNTO DE MIM...