Segunda-feira, 3 de Julho de 2006

Sentir ou talvez não.

Edvard Munch  (1863 - 1944)

 

SENTIR OU TALVEZ NÃO

 

Deixei de sentir.

 

Já não sinto,

O que por vezes sentia,

Quando escrevia no papel.

 

Agora sinto, que não sinto

E nada escrevo, no papel.

 

Perdi o sentir,

Perdi os escritos de papel.

 

Agora voam, no vento que passa

As dores deveras sentidas,

As horas passadas, a escrever palavras de amor.

Agora tudo é perdido…

 

Lá, onde o tempo é passado…

Perdi tudo…

 

Agora, por entre a multidão,

Que me envolve,

Sinto-me perdido,

Nada me diz…

E tudo conta.

 

Os sentimentos passam,

Por mim, como vagas incessantes.

 

Já não sinto,

Como sentia.

Agora finjo sentir.

Para escrever palavras ocas,

No papel.

 

No papel que amarroto,

Vezes sem fim,

Nada digo.

Nada escrevo e nada sinto.

 

Agora sinto, que já não sinto

O que sentia.

Perdi-o algures…

Todos os sentimentos,

Que deveras senti.

 

Porquê…?

Porque o sinto.

 

 

Janeiro’2006

publicado por Augusto P.Gil às 15:22
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Fatyly a 4 de Julho de 2006 às 16:30
Nada como enfrentares o teu verdadeiro sentir, sem floreados, sem aromas e fantasias. No dia em que o fizeres com garra...o passado deixou de ter e ser essa dor sentida! Custa mas não é impossível e tudo tem o seu timing!
Gostei...embora muito triste!
Beijos

Comentar post

.Mais sobre mim

.Quantos andam por aqui?

online

.Que horas são?

.Dezembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Musica

object width="425px" height="360px" >

.Contacto

e-mail
Contacto via e-mail

.Respeite os Direitos de Autor

Todos os direitos reservados ao autor sendo proibida a sua publicação sem autorização prévia

.O meu livro

.Quem me visita

!--************CODE GEOCLOCK************-->
contador de visita

.Links

.tags

. todas as tags

.Posts recentes

. Desejo

. ...

. Virar de Pagina

. Dezembro

. Estou de Regresso

. Encontro-me numa profund...

. Calor Intenso

. Ano Novo . o Virar de Mai...

.Favoritos

. ALGURES, JUNTO DE MIM...